Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in posts
Search in pages
Portal UFRRJ > INSTITUCIONAL > Clipping > Em 19 anos, bangue-bangue político deixa rastro de 14 mortos em Magé (RJ)

Em 19 anos, bangue-bangue político deixa rastro de 14 mortos em Magé (RJ)

14063707_10201955064715822_2459204565857549080_n

Reprodução Facebook


 
O sociólogo e professor da UFRRJ, José Cláudio Souza Alves, concedeu uma entrevista ao portal de notícias UOL sobre o crescente número de mortes ligadas à politica municipal na Baixada Fluminense. A reportagem traz o enfoque para o município de Magé – que já registrou dois homicídios somente em 2016.
 
—A Baixada traz esse problema da violência política com uma grande superexposição dessa estrutura de poder baseada na eliminação de oponentes. Aqueles que incomodam são eliminados — disse José Cláudio, que também é autor da tese “Baixada Fluminense: A Violência na Construção de uma Periferia” e do livro “Dos Barões ao Extermínio: A História da Violência na Baixada Fluminense” (Editora Sepe/APPH-Clio).
 
Para maiores detalhes, leia a matéria completa: http://eleicoes.uol.com.br/2016/noticias/2016/09/18/em-19-anos-bangue-bangue-politico-deixa-rastro-de-14-mortos-em-mage-rj.htm


Postado em 03/10/2016 - 11:28

Notícias Relacionadas

Bienal da UNE: Mostra Audiovisual reflete a urgência do feminismo

Confira o clipping de dezembro/2016

‘Empresas vão ser refratárias à mudança’, diz historiador sobre a Lava-Jato

Pagamento de propinas por empreiteiras se consolidou durante ditadura, diz historiador

Desafios sociais dos Brics unem movimentos populares

Últimas Notícias