Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in posts
Search in pages
Filter by Categories
Acesso Rápido RE
Acesso Rápido RU
Ações de Extensão
Almoço
Alojamento e Convivência
ASSUNTOS ADMINSTRATIVOS
ASSUNTOS ESTUDANTIS
ASSUNTOS FINANCEIROS
Atualizações do Diário Oficial
Auditórias Anuais
Banco de Legislação - Financeiro
Bolsas Assuntos Estudantis
Caderno Extensão
Calendário
Câmara de Extensão
Cantinas
Cardápio do Restaurante Universitário
Carga Horária Diretrizes Curriculares
Centro de Memória
Clipping
COAP
Como Chegar
Como Chegar
Como Chegar
Como Chegar Graduação
Composição Câmara de Graduação
Comunicados Oficiais
Comunicados Oficiais
Comunicados Oficiais
Comunicados Oficiais
Comunicados Oficiais
Comunicados Oficiais
Comunicados Oficiais
Contrato de Obras
CORIN
CPPD
Cursos de Pós-Graduação
DAC
DCF
DEL
Deliberações - CPPD
Deliberações COAP
Desenvolvimento Institucional
Desjejum
DGCC
Diretrizes Curriculares Nacionais
Diretrizes Gerais
DLI
Documentos Fórum das Coordenações
DPPEx
DRCI
Dúvidas Financeiro
Dúvidas Frequentes RE
Dúvidas Frequentes RU
Dúvidas Monitoria Graduação
Editais
Editais
Editais
Editais
Editais
Editais Corin
Editais em Aberto
Editais em Andamento
Editais Fechado
Empresas Juniores
Equipamentos Multiusuários
Equipe
Equipe
Equipe
Equipe
Equipe
Equipe
Equipe e Contatos
Espaços Físicos Comerciais
Estágio Ouvididoria
Eventos
EXTENSÃO
Extratos de Convênio
Fale Conosco
Fale Conosco
Fale Conosco
Fale Conosco
Fale Conosco
Fale Conosco
Fale Conosco Imprensa
Fale Conosco PROPLADI
Finanças DCF
Formulário Cursos
Formulários - CPPD
Formulários Acadêmicos
Formulários Câmara de Graduação
Formulários COAP
Formulários Cursos Extensão
Formulários DCF
Formulários DP
Formulários Equipe de Trabalho Extensão
Formulários Eventos Extensão
Formulários Monitoria Graduação
Formulários NAAP
Formulários PICDT
Formulários Prefeitura
Formulários Prestação de Contas
Formulários Prestação de Serviços Extensão
Formulários Programas Extensão
Formulários Projetos Extensão
Formulários Publicação Extensão
Formulários STA
Glossário
GRADUAÇÃO
Grupo de Estudo
Grupos PET
Informações para cadastro
informes Mobilidade Acadêmica Intra-campi
Informes Parfor
Iniciação Científica
INSTITUCIONAL
Jantar
Jornal da Graduação
Laboratórios
Lato Sensu
Legislação Docentes
Legislação NULEP
Legislação Ouvidoria
Legislação Técnicos Administrativos
Lei Orçamentária Anual
Leis - CPPD
Links
Links
Links Extensão
Links PARFOR
Links Pós-Graduação
Links úteis
Links úteis NULEP
Links Úteis Servidor
Logotipos
Manuais NULEP
Mão de Obra Terceirizada
Militantes
MOBILIDADE INTRA-CAMPI
MOBILIDADE NACIONAL
Normas
Normas Curso
Normas de Extensão
Normas Financeiro
Notícia
Notícia Destaque
Noticia Pós-Graduação
Notícias
Notícias
Notícias
Notícias Assuntos Estudantis
Notícias CPPD
Notícias da Extensão
Notícias de Cantinas e Espaços Físicos
Notícias Graduação
Notícias Orçamento e Finanças
Notícias Prefeitura
Notícias Rural Semanal
Notícias Servidor
Notícias Servidor S/Imagem
Notícias Terceirizados
Ouvidora
Ouvidoria
PARFOR
PET
Planejamento Institucional
Portal do Serividor
Portarias
Portarias Financeiro
PÓS-GRADUAÇÃO
Práticas Específicas
Pré-Enem Nova Iguaçu
Pré-Enem Seropédica
Prefeitura
Prestação de Contas
Principais Orientações - Coaaf
Principais Orientações - Coapen
Principais Orientações - Cocad
Principais Orientações - Copag
Pró-Reitor Adjunto de Assuntos Adminstrativos
Pró-reitor Adjunto de Assuntos Financeiros
Pró-Reitor Adjunto PROPLADI
Pró-Reitor de Assuntos Administrativos
Pró-reitor de Assuntos Financeiros
Pró-Reitor PROPLADI
Pró-Reitor(a) Adjunto de Assuntos Estudantis
Pró-Reitor(a) Adjunto de Extensão
Pró-Reitor(a) Adjunto de Graduação
Pró-reitor(a) Adjunto de Pesquisa e Pós Graduação
Pró-Reitor(a) de Assuntos Estudantis
Pró-Reitor(a) de Extensão
Pró-Reitor(a) de Graduação
Pró-Reitor(a) de Pesquisa e Pós Graduação
Processo Seletivo Mobilidade Acadêmica Nacional
Processo Seletivo PARFOR
Processo Seletivo PET
PROEXT
Programas
Programas
Projetos encerrados
Projetos vigentes
PROPLADI
Publicações
Publicações Graduação
Regional ou Cultural
Reitor
Relatórios DCF
Relatórios de Gestão
Religioso ou Ecumênico
Revista Extensão
Rural Semanal
Secretaria Administrativa
Secretaria de Registros Acadêmicos - Solicitações
Secretaria Ouvidoria
Sem categoria
Serviços gerais
Serviços para servidor
Servidor na Mídia
Stricto Sensu
Terceirizados
Transparência e Prestação de Contas
Treinamentos e Palestras Financeiro
UFRRJ Ciência
Vice-Reitor
Vídeos Imprensa
Portal UFRRJ > INSTITUCIONAL > Notícia Destaque > UFRRJ registra primeira planta melhorada de arroz vermelho no Ministério da Agricultura

UFRRJ registra primeira planta melhorada de arroz vermelho no Ministério da Agricultura

Considerado tipo especial de arroz, material apresenta alto teor de proteína e capacidade antioxidante.

 

A Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ) celebra o registro da cultivar ENA AR 1601 de arroz vermelho (Oryza sativa L.) no Registro Nacional de Cultivares (RNC) do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA). Oficializada no último mês de outubro, a inscrição do material é a primeira de titularidade da Universidade Rural. 

Grãos de Oryza sativa L. (Imagem: Divulgação/DFITO-IA)

“O registro de cultivares [no RNC] permite a produção e a comercialização de sementes no país, sendo este um processo importante para os programas de melhoramento, pois assegura a identidade genética e a qualidade varietal das cultivares. Uma vez registradas, as características das cultivares são preservadas ao longo das gerações”, explica o professor Luiz Beja Moreira (Departamento de Fitotecnia/Instituto de Agronomia), coordenador da equipe de pesquisas com a ENA AR 1601.

Além de Luiz Beja, a professora Bruna Rafaela da Silva Menezes (Departamento de Genética/Instituto de Ciências Biológicas e da Saúde) e o engenheiro agrônomo Rafael Hydalgo Passeri (Campos dos Goytacazes/UFRRJ) também integram a equipe de pesquisas. Como requerente do registro da cultivar, a UFRRJ fica responsável por sua manutenção. 

Considerada um tipo especial de arroz, a ENA AR 1601 é a primeira cultivar de arroz vermelho recomendada para o cultivo em sistema de sequeiro irrigado para a região sudeste do Brasil. Além de possuir um bom potencial produtivo, seus grãos integrais apresentam alto teor médio de proteína e alta capacidade antioxidante e antihiperglicêmica. 

“Os grãos integrais cozidos apresentam textura glutinosa e macia, com sabor suave, levemente terroso com toques de trigo e centeio. E, como recomendação gastronômica, é excelente para risotos e saladas, harmoniza com ervas, carnes brancas e vegetais. Sabores suaves, adocicados e herbáceos combinam muito bem com a delicadeza deste arroz”, complementa o professor.

A planta que deu origem a cultivar de arroz vermelho foi coletada em uma lavoura do Campo Experimental do Setor de Grandes Culturas do Departamento de Fitotecnia da UFRRJ no ano de 2004. 

“Estas áreas experimentais são cultivadas por mais de quatro décadas com cultivares de arroz branco em convivência com plantas de arroz de pericarpo vermelho, consideradas plantas daninhas em virtude de suas diversas características morfológicas e agronômicas indesejáveis”, conta o pesquisador.

 

Entenda o processo

O Registro Nacional de Cultivares (RNC) é um mecanismo regulatório da produção de sementes que se propõe a garantir ao agricultor uma confiabilidade em seu plantio. Para isso, o MAPA estabelece determinados critérios e exigências obrigatórios para o registro de cultivares no sistema. 

Em um primeiro estágio, o requerente precisa provar que a cultivar é portadora de atributos agronômicos e de utilização que as diferencie das demais cultivares já existentes no mercado. Ao longo dos anos, a coleta de informações e conhecimentos a respeito da cultivar ENA AR 1601 necessários para seu registro foi realizada por dezenas de professores, pesquisadores, técnicos, estagiários e bolsistas de diferentes programas e departamentos da Universidade Rural.

A seguir, são executados os ensaios de Valor de Cultivo e Uso (VCU) da cultivar. Estes são testes de rendimento preliminares, feitos em diferentes condições ambientais, que visam obter informações agronômicas detalhadas para o lançamento de novas cultivares. Através dos ensaios de VCU, são obtidos os requisitos mínimos para a inscrição da cultivar no RNC.

Em 2016, a cultivar ENA AR 1601 foi avaliada em ensaios VCU em três locais distintos do Rio de Janeiro. Posteriormente, os resultados desses ensaios foram encaminhados ao MAPA através do Formulário de Comunicação de Realização de VCU para determinação do Valor de Cultivo e Uso do arroz Oryza sativa L.

Por fim, a última etapa do processo é a solicitação de registro através do envio de um formulário de inscrição específico para cada espécie de cultivar. O processo de organização da documentação necessária para o registro da cultivar ENA AR 1601 teve início em agosto de 2019. 

“O Prof. Beja apresentou solicitação de serviços ao NIT-UFRRJ em agosto de 2019. Desde então, iniciamos o processo de organização de toda a documentação necessária para realização do registro junto ao MAPA. Por conta da espera da confirmação de recebimento de documentação por parte do MAPA e, posteriormente, por conta da pandemia, tivemos que interromper as atividades. Durante o 2º semestre de 2020, retomamos o trabalho e, finalmente, após concluir todos os processos tanto internos (UFRRJ) quanto relativos à documentação, conseguimos, no final do mês de setembro, peticionar a solicitação de registro junto ao MAPA”, conta Cristina Santos, do Núcleo de Inovação e Tecnologia (NIT/UFRRJ).

A solicitação de inscrição da ENA AR 1601 foi apreciada e o registro foi expedido em 27 de outubro de 2020. A permanência dessa inscrição depende de um mantenedor (nesse caso, a UFRRJ) que tenha condições técnicas e infraestrutura suficientes para garantir a manutenção da cultivar, disponibilizar o material básico de propagação dela e, assim, garantir suas características de identidade genética e pureza varietal declaradas em seu registro no RNC.

 

Por João Gabriel Castro, estagiário de jornalismo da Coordenadoria de Comunicação Social (CCS/UFRRJ).


Postado em 23/11/2020 - 10:12 - Atualizado em 26/11/2020 - 13:49

Notícias Relacionadas

Pesquisador da UFRRJ publica sobre a seta do tempo em revista de alto impacto
E-book reúne 14 anos de pesquisas da UFRRJ no Parque do Curió
Softwares da UFRRJ que ajudam no combate à Covid-19 são tema de notícia no Tecnoblog
Pesquisadores da UFRRJ resgatam espécie de peixe em alto risco de extinção
Pesquisa da UFRRJ analisa o enfrentamento ao racismo nos EUA através da arte ativista

Últimas Notícias

Skip to content